Bandeira Amarela pode voltar em setembro, diz Compass

August 17, 2016

Em poucos meses o preço da energia subiu de R$30 para R$200/MWh
 

Apesar do país contar com uma sobra estrutural de energia da ordem de 15GW, e apesar do risco de racionamento de energia em 2016 ser zero (conforme anunciado pelo governo no dia 03/08), os brasileiros correm o sério risco de serem assombrados pela de volta das Bandeiras Tarifárias na conta de luz, já em setembro.

De acordo com simulações realizadas pela Compass, o PLD (preço spot) da primeira semana de setembro pode atingir R$218/MWh, disparando assim o gatilho da Bandeira Amarela (R$211/MWh).

O conceito das bandeiras é alertar o consumidor sobre o risco de racionamento de energia, através do aumento na conta de luz da sociedade de R$15/MWh (Bandeira Amarela) ou até R$45/MWh (Bandeira Vermelha). Essa penalidade econômica foi criada para incentivar as pessoas a economizar energia, contribuindo assim para a preservação dos reservatórios das usinas hidrelétricas.

Essa situação é surreal, num momento onde um dos maiores problemas do setor elétrico é a justamente a sobrecontratação de energia das distribuidoras, onde algumas apresentam sobras da ordem de 17%. Com a Bandeira Amarela, essa sobra vai aumentar.

A alta abrupta do PLD (que começou o ano em R$30/MWh) é fruto de orientações dadas pela Aneel sobre a forma de representação da vazão da Usina de Sobradinho na modelagem do preço (o que aumentou o PLD de julho em 65%). Com visão divergente e tecnicamente fundamentada, a CCEE pediu a republicação do PLD.

Outro fator também determinante para essa disparada do preço foi a recente revisão do consumo futuro de energia, que passou a ser mais otimista em relação ao crescimento da economia.

Em poucos meses o preço da energia subiu de R$30 para R$200/MWh, sem grandes alterações climáticas e sem observarmos, ainda, a retomada do consumo. A imprevisibilidade está de volta no setor elétrico brasileiro e a conta, mais uma vez, cairá no colo do consumidor.

 

Please reload

Featured Posts

Eletroeste e IAC/ITF instala os primeiros medidores de vazão no projeto do Rio Formoso

May 20, 2017

1/1
Please reload

Recent Posts

June 15, 2018

March 22, 2018

Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square